Chemik Bydgoszcz surpreende e vence o Skra Belchatow na Liga Polonesa

O Skra Belchatow foi surpreendido e perdeu na estreia da Liga Polonesa para  o Chemik Bydgoszcz por 3 x 2, com parciais de 21/25, 25/23, 25/19, 27/29 e 18/16.

Nikola Kovacevic foi o maior pontuador do Chemik com 18 pontos, sendo 17 de ataques e 1 ace. O oposto Mariusz Wlazly do Belchatow foi o maior pontuador do confronto com 21 pontos, sendo 16 de ataques, 4 bloqueios e 1 ace.

CHE – Kovacevic 18, Lipinski 16, Morozau 15, Filipiak 13, Gryc 11, Szalacha 8, Vinhedo 3.

BEL – Wlazly 21, Ebadipour 14, Klos 13, Kochanowski 12, Szalpuk 9, Piotr 8, Teppan 2, Kamil 1, Lomacz 1.

Foto: twitter.com/_skrabelchatow_

Anúncios

Sem Vasileva e Rabadzhieva, Bulgária divulga lista das 14 jogadoras para o Mundial

A Bulgária divulgou a lista das jogadoras que vão defender o país no Mundial do Japão. A lista não conta com a ponteira Elitsa Vasileva, que não se recuperou a tempo da cirurgia que fez no ombro em março. Outro desfalque é a ponteira Dobriana Rabadzhieva.

Lista das 14 jogadoras:

Levantadoras: Laura Kitipova e Petya Barakova

Ponteiras: Gergana Dimitrova, Mariya Karakasheva, Iva Monova e Miroslava Paskova

Opostas: Silvana Chausheva, Veselina Grigorova e Monika Krasteva

Centrais: Hristina Ruseva, Nasya Dimitrova e Mira Todorova

Liberos: Zhana Todorova e Kristiana Petrova.

Foto: Divulgação / FIVB.

Estados Unidos vencem Camarões e seguem invictos no Mundial

Os Estados Unidos conquistaram sua quarta vitória no Mundial ao vencer com  tranquilidade Camarões por 3 x 0, com parciais de 25-18, 25-20 e 25-14. Com os resultados positivo os americanos seguem invictos e na liderança do Grupo C, com 10 pontos.

EUA – Anderson 9, Sander 9, Averill 8, Jeffrey Jendryk 7, Russell 6, Christenson 1.

CAM – Patrick 10, Hile 4, Charles 3, Engala 2, Hassana 2, Sem 2, Yvan 2, Ahmed 1.

Foto: Divulgação / FIVB.

Com Natália e Gabi, Minas apresenta equipe feminina para temporada 2018/2019

A Diretoria do Minas apresentou, na manhã dessa quarta-feira (12/9), a equipe feminina de vôlei que disputará a temporada 2018/19. Em evento realizado no Salão de Festas do CF, no Minas I, as jogadoras e a comissão técnica também apresentaram os novos uniformes, que, nessa temporada, são fornecidos pela Rainha. Além do elenco e de dirigentes minastenistas, estiveram presentes representantes da Localiza Hertz, da Axial, da JAM Engenharia e da Rainha, que são patrocinadores do Minas.

Atual tricampeão sul-americano, o Minas entrará em quadra para disputar, além do tetracampeonato continental, a Superliga Feminina, a Copa Brasil e o Campeonato Mundial de Clubes, que será entre os dias 4 e 9 de dezembro, em Shaoxing, na China.

O técnico da equipe, Stefano Lavarini, falou em nome do grupo. Para ele, que comanda a equipe pelo segundo ano seguido, essa temporada será de grandes desafios. “Primeiro, eu quero agradecer ao Minas a oportunidade de ser técnico de um dos clubes mais importantes do Brasil. Acredito que será uma temporada bem difícil, com muitos desafios, muitos adversários fortes e que também querem vencer. Porém, no que depender da nossa garra e determinação, vamos fazer de tudo para alcançar os melhores resultados. Temos muita qualidade técnica, e eu tenho uma expectativa boa para o que vamos construir nessa temporada. Acredito que seremos bem competitivos”, planejou o treinador italiano.

A ponteira Natália disse estar feliz por representar o Minas. “Estou muito feliz por estar aqui em BH e poder vestir a camisa do Minas. Já joguei com algumas atletas e estou muito empolgada por representar esse slube que é um dos maiores do Brasil, sem dúvida nenhuma. Acredito que será uma temporada espetacular, e nós vamos, juntas, tentar colocar o Minas nas primeiras colocações”, comentou a ponteira minastenista e da seleção brasileira.

volei_feminino_apresentacao_equipe_2018_19_44_copy
Natália

Já a belo-horizontina Gabi está empolgada por representar o Minas e, para ela, vestir a camisa do Clube é um sonho realizado. “Estou muito alegre por voltar a jogar na minha cidade, perto da minha família, dos meus amigos e dos torcedores mineiros, agora, em um clube que eu sempre sonhei em jogar. Eu vim do Mackenzie, aqui pertinho, e era uma rivalidade muito grande com o Minas. Eu sempre comentei que um dos meus sonhos era representar essa camisa, pela história que o Minas tem, pelos atletas que passaram por aqui e pela estrutura que o Clube oferece à gente, com grandes profissionais, e como o esporte aqui é levado a sério. Estou muito feliz e vou defender o Minas com todas as minhas forças”, ressaltou a atleta do Clube e também da seleção brasileira.

volei_feminino_apresentacao_equipe_2018_19_47_copy
Gabi

Fotos: Orlando Bento/MTC

Itália e Holanda vencem na estreia do Rabobank Super Series

A Itália e a Holanda começaram bem no Rabobank Super Series, torneio de preparação da Mundial, que está sendo realizado na Holanda e conta com 4 seleções, além da anfitriã, participam da competição a Itália, Rússia e Turquia.

Vamos aos resultados:

Italia 3 x 1 Russia (25-17, 17-25, 25-22, 25-20)

ITA – Malinov 1, Chirichella 11, Bosetti 11, Egonu 21, Danesi 8, Sylla 8, Pietrini 9.

RUS – Goncharova 12, Zaryazhko 9, Hodunova 1, Voronokova 17, Efimova 5, Fetisova 1, Malykh 2, Ilchenko 1, Kotikova 1.

Holanda 3 x 1 Turquia (21-25, 25-19, 25-17, 25-21).

Estatísticas não divulgadas.

Olanda-femminile-696x361

Fonte e fotos: volleyball.it

 

Sem Diouf e com Ortolani, Itália divulga lista com 28 jogadoras convocadas para Seleção

A Itália divulgou sua primeira lista de jogadoras convocadas para defenderem a Seleção Feminina de Vôlei em 2018. Destaque para o retorno da oposta Serena Ortolani, já Valentina Diouf  ficou de fora da primeira lista divulgada.

 A lista do técnico Mazzanti conta com 28 jogadoras que serão divididas em 2 grupos: Nazionale Seniores e Nazionale under “2020”

O primeiro grupo (14 atletas) será o que jogará a Liga das Nações de Voleibol com algumas mudanças de jogadoras entre um jogo e outro.

O Nacional sob “2020”, assim chamado por ter presença de jogadoras da Sub 19 e atletas com perspectiva para os Jogos de Tóquio, terá como principal objetivo os Jogos do Mediterrâneo.

As 28 jogadoras são:

Levantadoras: Ofelia Malinov (Bergamo), Carlotta Cambi (Volley Pesaro), Isabella Di Iulio (Scandicci), Alessia Orro (Busto Arsizio).

Opostas: Paola Egonu (Novara), Serena Ortolani (Monza).

Ponteiras: Lucia Bosetti (Scandicci), Alice Degradi (Legnano), Alessia Gennari (Busto Arsizio), Anastasia Guerra (Casalmaggiore), Camilla Mingardi (Modena), Anna Nicoletti (Conegliano), Elena Pietrini (Club Itália), Myriam Sylla (Bergamo).

Centrais: Cristina Chirichella (Novara), Anna Danesi (Conegliano), Raphaela Folie (Conegliano), Sara Bonifacio (Novara), Beatrice Berti (Busto Arsizio), Alexandra Botezat (Busto Arsizio), Sara Fahr (Club Itália), Marina Lubian (Club Itália), Silvia Nwakalor (Club Itália), Rossella Olivotto (Volley Pesaro).

Líberos: Monica De Gennaro (Conegliano, Chiara De Bortoli (Club Itália), Beatrice Parrocchiale (Firenze), Ilaria Spirito (Busto Arsizio).

Foto: Divulgação / FIVB

 

Bulgária vence Sérvia em jogo amistoso

A Bulgária venceu hoje a Sérvia em jogo amistoso. Hristina Ruseva foi a maior pontuadora da partida com 24 pontos, sendo 12 de ataques, 6 bloqueios e 6 aces.

A oposta Sanja Malagurski foi a maior pontuadora da Sérvia com 18 pontos, sendo 16 de ataques e 2 bloqueios.

Lembrando que a Sérvia não contou com as opostas Boskovic e Bjelica, com a central Rasic, com a ponteira Malesevic e com a libero Silvija Popovic que não se apresentaram ainda na seleção devido ao Mundial de clubes.

Sérvia 2 x 3 Bulgária (17-25, 16-25, 25-21, 25-19, 19-25).

SER – Malagurski 18, Mihajlovic 16, Stevanovic 8, Veljkovic 8, Milenkovic 8, Busa 7, M.Popovic 4, Mirkovic 2, Ninkovic 2.

BUL – Ruseva 24, Nikolova 15, Vasileva 14, Yaneva 13, Dimitrova 12, Kitipova 4, Paskova 2.

Foto: ossrb.org