Arlene Xavier anuncia aposentadoria

A líbero Arlene Xavier anunciou aposentadoria das quadras aos 48 anos. A atleta começou a carreira jogando pelo Minas Tênis Clube, na década de 90, onde conquistou o título brasileiro e o sul-americano de 1993. Na temporada seguinte foi criada a Superliga, em que Arlene disputou pelo extinto BCN Guarujá. O último nacional disputado pela atleta foi com São José dos Campos, na temporada 2014/15.

Defendendo clubes brasileiros, Arlene conquistou três Superligas (Flamengo 2000/01 e Osasco 2002/03 e 2004/05), além de dois vice-campeonatos (Osasco 2001/02 e Minas 2003/04). A atleta tem também cinco títulos paulistas (todos por Osasco), duas Copas Brasil (Osasco e Pinheiros), dois Cariocas (Flamengo), um mineiro (Praia Clube) e um sul-americano (Minas). Foi eleita a melhor defensora de três edições da Superliga, melhor líbero da edição 2001/02 e melhor bloqueio da edição 1996/97.

Arlene foi convocada pela primeira vez para a seleção brasileira em 2002, quando passou a atuar como líbero – antes era central. Em 2003, foi vice-campeã da Copa do Mundo, no Japão, e eleita a melhor líbero da competição. No ano seguinte, ficou com a 4ª posição nos Jogos Olímpicos de Atenas. Foi bicampeã do Grand Prix (2004 e 2006), sendo eleita a melhor líbero da competição na segunda conquista. Arlene ainda foi campeão da Copa Pan-Americana em 2006, em que também figurou como a melhor líbero.

Foto: : Alexandre Arruda / CBV

Samuele Papi e Hristo Zlatanov oficializam aposentadoria

Chegou ao fim a carreira de dois grandes nomes do voleibol italiano, Samuele Papi e Hristo Zlatanov oficializaram aposentadoria das quadras no site oficial do Piacenza.

Samuele Papi, apelidado de “O ‘Fenômeno”, entrou para para história do voleibol italiano e mundial: em sua longa carreira conquistou vários troféus entre eles: 6 campeonatos italianos, 8 Supercopas, 5 Taças de Itália, 3 Ligas dos Campeões, 2 Taças CEV.

Além de ser o protagonista na Seleção Italiana, com duas medalha de prata nos Jogos Olímpicos, duas medalhas de ouro em Campeonatos mundiais e cinco da Liga Mundial. Papi passou as últimas seis temporadas vestindo a camisa do Piacenza, sendo protagonista nas conquistas da Taça CEV Challenge em 2013 e Del Monte Itália 2014.

Já capitão Zlatanov com o Piacenza tem uma conquista individual importante: em 22 de fevereiro de 2014, durante a partida  da liga entre Piacenza x Latina, Zlatanov alcançou a marca de  9.000 pontos na carreira, tornando-se o melhor pontuador da Itália. Hoje, ele tem 9.688 pontos marcados. Com o número 11 com Piacenza ele conquistou um Top Team Cup (2006), 1 campeonato italiano e 1 Supercopa (2009), a CEV Challenge Cup (2013) e uma Copa da Itália (2014).

Fonte e Fotos: lprvolley.it

Saori Kimura anuncia aposentadoria

Saori Kimura, que havia anunciado anteriormente que iria se aposentar no final da temporada, fez seu último jogo de vôlei competitivo no domingo. A carreira de Kimura terminou quando sua equipe o Toray Arrows, foi derrotada por 3-1 (20-25, 28-26, 25-22, 25-15) pelo NEC Red Rockets em jogo válido pelos playoffs da Liga Japonesa.

A jogadora de 30 anos, que fez sua primeira aparição olímpica em 2004 em Atenas e jogou quatro Olimpíadas consecutivas, incluindo os Jogos de Londres 2012, onde a equipe ganhou a medalha de bronze. Kimura, que se casou no ano passado, deve realizar uma conferência para imprensa em data a ser definida e pode aparecer no jogo All-Star do Japão em 25 de março.

Em clubes defendeu o Shimokitazawa Seitoku Highschool (Japão / 2002 a 2005), Toray Arrows (Japão / 2005 a 2012), VakıfBank (Turquia / 2012 e 2013), Galatasaray (Turquia / 2013 e 2014) e Toray Arrows (2014 a 2017).

Em clubes foi Campeã da CEV Champions League uma vez, Conquistou quatro títulos da Liga Japonesa e um da Liga Turca, dois troféus na Copa do Imperador e um na Copa da Turquia. Individualmente, ela foi premiada MVP da Liga Japonesa uma vez.

Foto: Koki Nagahama / gettyimages

Fonte: fivb.org

Hristo Zlatanov anuncia aposentadoria

O ponteira Italiano Hristo Zlatanov anunciou que deixar às quadra no final da 2016/2017. O jogador tem 40 anos e 2,01 de altura e jogou toda sua carreira na Itália, onde defendeu o Milano, Ravenna, Roma, Palermo e desde de 2003 o Piacenza, onde vai encerrar sua carreira no fim da temporada.

Em clubes foi Campeão da Liga Italiana, Campeão da Copa Itália e da Supercopa da Itália.Com a Seleção foi Campeão da Liga Mundial em 1997 e 1999, Prata em 2003 e Bronze 2009.

“No final da temporada eu decidi que vou deixar o voleibol. O vôlei é tudo maravilhoso, ensina você a crescer e viver”, disse Zlatanov.

Sobre o futuro o jogadora disse que ainda não sabe o que  vai fazer.

“Eu não sei, com certeza eu vou abrir os olhos e ouvidos para ouvir propostas que possam surgir. Agora vou dedicar mais tempo à minha família”, acrescentou Zlatanov.

Foto:  sportvox.net

Fonte: gazzetta.it

Grávida, Quinta Steenbergen anuncia aposentadoria

A central holandesa Quinta Steenbergen anunciou sua aposentadoria do Voleibol. Aos 31 anos a jogadora  está grávida de seu primeiro filho e vai se concentrar em sua carreira social e  estará trabalhando no hospital em Alkmaar.

Com a Seleção Holandesa, Quinta Steenbergen fez sua estréia em 2004, em um amistoso contra a Turquia. Entre 2004 e 2016 vestiu a camisa laranja por 221 vezes. Steenbergen ganhou prata no Campeonato Europeu em 2015, bronze no Grand Prix Mundial em 2016 e terminou em quarto lugar nos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro.

Em clubes defendeu o AMVJ Amstelveen – Holanda (2001–2003),VC Weert – Holanda (2003–2004), AMVJ Amstelveen -Holanda (2004–2008), Le Cannet – França (2008–2009), TVC Amstelveen – Holanda (2010–2011), VC Baku – Azerbaidjão (2011–2012, Schweriner SC – Alemanha (2012–2013), VK AGEL Prostějov – República Checa (2013–2014), Lokomotiv Baku – Azerbaidjão (2014–2015), VK AGEL Prostějov – República Checa  (2015–2016).

Após os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, Steenbergen decidiu dar uma pausa, em dezembro, se juntou a VC Sneek, o atual campeão Holandês conquistando na semana passada em Zwolle, a taça nacional.

Foto: fivb.com

Fonte: volleybal.nl.

Ekaterina Krivets anuncia aposentadoria do voleibol

A central russa Ekaterina Krivets anunciou aposentadoria do voleibol. A jogadora tomou essa decisão devido a uma lesão no joelho e  foi aconselhada a dizer adeus ao voleibol profissional.

Krivets tem 32 anos e 1,93 de altura,  nasceu na Rússia, mas competiu pela Seleção Ucraniana.  Foi Campeão várias vezes da Copa da Rússia, Campeã da Taça CEV, quatro vezes medalhista de prata do Campeonato Russo e ganhou uma medalha de prata no Campeonato Mundial de Clubes.

Nas duas últimas temporadas defendeu o Dínamo Krasnodar, defendeu também o PSL Manila das Filipinas no Campeonato Mundial Clube em 2016, onde assinou um contrato de curto prazo. Foi o último compromisso profissional de Krivets em sua carreira.

Foto: Divulgação / FIVB.

Fonte: worldofvolley.com

Gavin Schmitt anuncia aposentadoria da seleção canadense

A Federação Canadense de Vôlei anunciou que o oposto Gavin Schmitt decidiu encerrar sua trajetória na seleção.

“O primeiro passp é tentar e ficar saudável e honrar meu contrato com o meu clube na Polônia. Não é nenhum segredo que eu tenho lutado contra lesões ao longo dos últimos anos, e eu gostaria realmente superar os que me afligia todo o verão e passar por esta temporada. Eu adoro jogar para o Canadá e adoro brincar com os caras; que vai ser uma grande mudança e eu não tenho certeza que será um caminho fácil. Eu não vou estar jogando com a equipe mas espero continuar acompanhando os eventos para apoiar e ajudar a crescer o esporte “, disse Schmitt.

Com a seleção Schmitt foi prata na Copa Pan-Americana em 2008 e 2009. Prata e Bronze no Campeonato da Norceca em 2013 e 2011. Bronze nos Jogos Pan-Americanos em Toronto 2015, eleito o melhor saque e o maior pontuador dos jogos.

Fotos: cbc.ca