Cruzeiro Campeão da Superliga 2016/2017

O Cruzeiro venceu o Taubaté e conquistou o título da Superliga Masculina 2016/2017. Esse foi o quinto título da Superliga conquistado pelo clube que foi  campeão nas temporadas 2011-12, 2013-14, 2014-15,2015-16 e 2016-17

Cruzeiro 3 x 1 Taubaté (25-22 | 25-22 | 18-25 | 25-19).

CRU – Evandro 19, Isac 12, Simón 12, Filipe 11, Leal 9, William 5.

TAU – Wallace 18, Lucarelli 14, Éder 11, Japa 8, Lucas Lóh 5, Otávio 5.

Premiações Individuais:

Maior pontuador – Wallace (Funvic Taubaté)
Melhor saque – Evandro (Sada Cruzeiro)
Melhor ataque – Leal (Sada Cruzeiro)
Melhor bloqueio – Renan Buaiatti (JF Vôlei)
Melhor recepção – Bob (Montes Claros Vôlei)
Melhor defesa – Serginho (Sada Cruzeiro)
Melhor levantador – William (Sada Cruzeiro)
Craque da Galera – Raphael (Funvic Taubaté

Foto: Inovafoto/CBV

Anúncios

Rexona Campeão da Superliga 2016/2017

Jogando em casa o Rexona venceu o Vôlei Nestlé no tie-break e conquistou o título da Superliga Feminina 2016/2017.  Em sua 13ª final seguida, o Rio chega ao 12º título de sua história e se firma cada vez mais como maior campeão da Superliga.

A ponteira Tandara do Osasco foi a maior pontuadora da partida com 22 pontos. Drussyla com 19 foi a maior pontuadora do Rexona.

Rexona 3 x 2 Vôlei Nestlé (25-19 | 22-25 | 25-22 | 18-25 | 15-6).

REX – Drussyla 19, Jucy 18, Monique 14, Carol 12, Gabi 10, Roberta 3, Helô 2, Buijs 1.

VOL – Tandara 22, Bia 12, Gabi 12, Paula 9, Nati 7, Bjelica 6, Lins 3, Malesevic 2.

Foto: André Durão

Camila Brait anuncia gravidez e Tássia vai substituir a jogadora no Osasco

A líbero Camila anunciou gravidez e vai desfalcar o Vôlei Nestlé no Mundial de clubes e na próxima temporada. A líbero de 28 anos, está grávida de algumas semanas, a notícia foi confirmada logo após a derrota no tie-break diante do Rio de Janeiro na decisão do campeonato nacional.

Por conta da gravidez, a jogadora não vai disputar o Mundial de clubes pela equipe paulista. O clube ainda não anunciou oficialmente, mas contratou Tássia, do Praia Clube, para substituir Brait.

Além de Camila Brait, a levantadora Dani Lins também confirmou que vai parar na próxima temporada, a jogadora assim como Camila Brait pretende ser mãe e vai dá uma pausa das quadras.

Foto:  João Pires/FotoJump/Divulgação

Fonte: globoesporte.globo.com

Théo marca 31 pontos e garante vitória do SESI-SP sobre o Taubaté na terceira partida das semifinais da Superliga

Jogando em casa o SESI-SP precisava de uma vitória para continuar brigando por uma vaga na final da Superliga. Em noite inspirada do oposto Théo, maior pontuador da partida com 31 pontos, o SESI-SP jogando fora de casa venceu o Taubaté no tie-break.

Taubaté 2 x 3 SESI-SP (35-37 | 25-21 | 25-19 | 21-25 | 10-15). Série: (2-1).

TAU – Wallace 26, Lucarelli 21, Lucas Lóh 14, Éder 13, Otávio 7, Rapha 1.

SES – Théo 31, Lucão 12, Riad 10, Murilo 8, Vaccari 7, Fabio 6, Alan 3, Bruno 2.

Foto: facebook.com

 

Cruzeiro e Taubaté vencem primeira partida das semifinais da Superliga Masculina

O Cruzeiro e o Taubaté venceram seus confrontos da primeira partida das semifinais da Superliga Masculina 2016/2017. O Cruzeiro jogando em casa o venceu o Campinas por 3 x 1 (25-20 | 18-25 | 25-22 | 25-21).

O oposto Evandro foi o maior pontuador da partida com 21 pontos, o ponteiro Leal foi eleito o melhor da partida e ficou com o Viva Vôlei.

CRU – Evandro 21, Leal 17, Filipe 13, Simon 10, Isasc 2, William 1.

CAM – Rivaldo 14, Diogo 11, Maurício 9, Vini 7, Gregore 2.

Já o Taubaté venceu o SESI-SP por 3 x 0 (25-20 | 25-22 | 25-21). O oposto Wallace foi o maior pontuador da partida com 13 pontos, o ponteiro Lucas Lóh foi eleito o melhor da partida e levou o Viva Vôlei.

TAU – Wallace 13, Lucarelli 9, Éder 9,  Lóh 7, Otávio 5.

SES – Vaccari 8, Lucão 7, Riad 7, Theo 7, Murilo 3, Alan 2, Bruno 1.

Foto: Renato Araújo/Divulgação Sada Cruzeiro.

Minas vence Rexona e pode garantir vaga na final da Superliga em casa

O Minas venceu o Rexona na terceira terceira partida das semifinais da Superliga Feminina 2016/2017. É a segunda vitória seguida da equipe comandada pelo técnico Paulo Coco sobre o time do técnico Bernardinho.

A oposta norte-americana Hooker foi a maior pontuadora da partida com 20 pontos e levou o Viva Vôlei.

O quarto jogo entre as duas equipes será no dia 11, às 21h30 e terá transmissão do SporTV. Se vencer, o Minas garante vaga na final. 

Rexona 2 x 3 Minas (21-25, 25-13, 25-21, 23-25, 8-15). Série: (1×2).

REX – Monique 19, Drussyla 17, Gabi 16, Jucy 12, Carol 9, Roberta 4.

MIN – Hooker 20, Gattaz 19, Rosamaria 15, Jaqueline 13, Mara 10, Naiane 2.

Foto: Alexandre Loureiro / Inovafoto / CBV.

Vôlei Nestlé primeiro finalista da Superliga Feminina 2016/2017

Jogando em casa o Vôlei Nestlé venceu o Praia Clube e garantiu vaga na final da Superliga Feminina 2016/2017. Em uma partida acirrada até o terceiro set, a equipe liderada por Tandara no ataque e Bjelica no saque, massacrou o Praia Clube no quarto set por 25-11.

Tandara foi o destaque e maior pontuadora da partida com 27 pontos e levou pra casa o Viva Vôlei. Vale destacar também, o desempenho da oposta Bjelica no saque e as defesas e coberturas da líbero Camila Brait, que evoluiu muito nessa reta final de Superliga.

Vôlei Nestlé 3 x 1 Praia Clube (25-18 | 23-25 | 26-24 | 25-11).

VOL – Tandara 27, Bjelica 14, Malesevic 10, Bia 10, Paula 6, N.Martins 4, Lins 3, Gabi 2.

PRA – Klineman 17, Ramirez 13, Michelle 11, Walewska 7, Fabiana 4, Claudinha 1, Natasha 1.

Foto: João Pires/Fotojump.